segunda-feira, 9 de março de 2009

.la.luna.en.el.cielo.


Quem não reage, rasteja! E foi assim que alguém olhou para o céu, que em meio a tantas estrelas, conseguiu-se observar a lua que tanto brilhava naquela noite. Ah! E como brilhava... Porque em meio ao que seu campo de visão lhe permite observar no céu, muitas estrelas podem brilhar, mas é através da luz da lua que elas brilham.
A boca constantemente seca, o delírio se confundindo com realidade em meio às sensações infinitas de prazer. Aquelas formalidades, que obviamente seriam uma mera redundância para a disposição ali enfatizada, foram deixadas para a própria imaginação se encarregar de formalizar. E olha que não foi preciso, pois “la luna en el cielo” brilhava demais.
Como uma vez disse o eterno Bob Marley, “sun is shining the weather is sweet”. E foi verdade, que para este aspecto o clima estava mais que encantador, estava radiante.
Que a luz desta lua continue a brilhar, para que um caminho verdadeiro possa-se criar e trilhar, pois nos fundo daqueles olhos que são verdadeiramente iguais, tudo o que se quer é amar!

Um comentário:

Daniel disse...

Parabénsssss Malandro
Belo texto, inspirado por sentimentos reais, é assim que a gente acaba escrevendo bem, pela intensidade de uma relação, seja no amor, na amizade, ou seja lá o que for que te inspire.

Cuide-se
Abs
Daniel